quinta-feira, 27 de dezembro de 2012

27 DE DEZEMBRO - DIA DE SÃO JOÃO EVANGELISTA



Jacareí, 07 de Fevereiro de 2007
ANIVERSÁRIO DE 16 ANOS DAS APARIÇÕES DE JACAREÍ
(Mensagens de São João Evangelista)
Comunicada ao Vidente Marcos Tadeu Teixeira

MENSAGEM DE SÃO JOÃO EVANGELISTA
“-Marcos irmão Meu, amor Meu, protegido Meu, defendido Meu. Eu sou JOÃO o Apóstolo amado, Eu sou aquele que protegeu, amou, guardou, honrou e obedeceu a Santíssima Mãe de DEUS por 20 anos após a ascensão de NOSSO SENHOR JESUS CRISTO ao Céu. Eu sou aquele que vos ama e os protege e que tem a missão de ensinar-vos o verdadeiro amor por DEUS, o amor perfeito por DEUS, por MARIA SANTÍSSIMA, pelo SENHOR.
Oh sim! Aquele que não luta por MARIA SANTÍSSIMA e Suas Aparições, aquele que fica dividido entre obedecer a Ela ou obedecer aos homens, por mais santos que pareçam, mas que são contrários às Mensagens Dela, esses não a amam.
Aqueles que não lutam pela SANTÍSSIMA VIRGEM que aparece na Terra, na perseguição, na pobreza, na simplicidade, na dor e no sofrimento, no abandono dos seus, esses não a amam.
Aqueles que não doam toda a sua vida por MARIA SANTÍSSIMA querendo ainda conservar para si a sua vida não a amam, e vão perder a sua vida porque não entregaram a sua vida à MARIA.
Aqueles que amam a tudo e todos, mas a SANTÍSSIMA VIRGEM não amam em primeiro lugar e acima de tudo e por esse tudo deixam tudo mais para possuir esse tudo que é MARIA, não a amam... não a amam!
Aqueles que crêem em parte nas Mensagens, que tenham a fé parcial nelas, e que umas Mensagens aceitam e obedecem e outras não, não amam MARIA e hão de perder o afeto e a amizade Dela.
Aqueles que não suportam tudo por Maria, que não sofrem tudo por Maria, que não esperam tudo de MARIA e em MARIA e que não entregam tudo a MARIA e para MARIA, não a amam... não a amam.. E não terão o amor desta SANTA MÃE.
Aqueles que não amam MARIA, não conhecem o amor, aqueles que dizem que amam MARIA, mas se mantém longe das Aparições e Mensagens Dela, para agradar aos homens, para agradar a quem quer que seja, e ter uma obediência falsa a quem quer que seja não ama MARIA... Não é digno de MARIA.
Não é digno do amor de MARIA quem não abraça a Cruz com ELA e com NOSSO SENHOR e não carrega essa Cruz por todos os dias de sua vida, com humildade, paciência, resignação, obediência e FÉ absoluta.
Quem ama o mundo mais do que a MARIA, não é digno de MARIA.
Quem ama seus entes queridos mais do que a MARIA, não é digno de MARIA.
Quem ama os sacerdotes, bispos e religiosos contrários às Aparições e Mensagens de MARIA, quem os ama mais do que a MARIA, não é digno de MARIA... Não é digno de MARIA.
Quem ama a si mesmo mais do que a MARIA, não é digno de MARIA.
Quem ama os seus interesses, quem ama a sua própria vontade mais do que à MARIA, não é digno de MARIA.
Quem não morre para si mesmo, quem não renuncia a si mesmo, não é digno de MARIA... Não é digno de MARIA.
Quem não se dispõe a sacrificar tudo, tudo mesmo para ficar fiel às Aparições e Mensagens de MARIA... Não é digno de MARIA... Não é digno de MARIA...
Eu deixei tudo pelo Meu SENHOR e pela Minha SENHORA, a ELES consagrei Minha juventude, Minha vida, Minhas forças, Minha velhice. Sofri por ELES, amei-os com todas as Minhas forças, e quem não fizer o mesmo por MARIA e pelo SENHOR não será digno DELES.
Eu Me fiz digno do SENHOR e de Sua Mãe vivendo só por ELES, existindo só para ELES...empregando todas as Minhas forças só para obedecer e amar à ELES.
Bem aventuradas as almas, que deixou tudo por causa de MARIA nas suas Aparições, pois serão dignos DELA.
Bem aventuradas as almas, que suportam tudo e sofrem tudo por amor à MARIA, porque serão dignos DELA.
Bem aventurados os que carregam a Cruz com JESUS e MARIA nas suas Aparições, suportando a perseguição, a contrariedade e o abandono da terra, porque serão dignos DELES.
Bem aventuradas as almas que morrem para si mesmas para viver apenas para MARIA e unicamente para ELA em suas Aparições, pois essas almas serão dignas da vida eterna com MARIA, no Paraíso.
Irmãos, dou-vos a PAZ, deixo-vos a PAZ e vos prometo defender-vos-ei de todos os males, de todas as ciladas do inimigo infernal, estarei sempre junto de vós para confortar-vos nas perseguições que sofrerdes por causa das Aparições de MARIA, nos vossos sofrimentos, nas vossas dificuldades.
Eu serei sempre vosso Irmão, vosso guarda, vosso escudo e vosso defensor. Até o Céu onde nós vos esperamos. A PAZ!




27 de dezembro

São João
É muito difícil imaginar que esse autor do quarto evangelho e do Apocalípse tenha sido considerado inculto e não douto. Mas foi dessa forma que o sinédrio classificou João, o apóstolo e evangelista, conhecido como "o discípulo que Jesus amava". Ele foi o único apóstolo que esteve com Jesus até a sua morte na cruz.

João era um dos mais jovens apóstolos de Cristo, irmão do discípulo Tiago Maior, ambos filhos de Zebedeu, rico pescador da Betsaida, e de Salomé, uma das mulheres que colaboravam com os discípulos de Jesus. Assim como seu pai, João era pescador, e teve como mestre João Batista, o qual, depois, o enviou a Jesus. João, Tiago Maior, Pedro e André foram os quatro discípulos que mais participaram do cotidiano de Jesus.

Costuma ser definido, entre os apóstolos, como homem de elevação espiritual, mais propenso à contemplação do que à ação. Apesar desse temperamento, foi incumbido por Jesus com o maior número de encargos, estando presente em quase todos os momentos e eventos narrados na Bíblia. Estava presente, por exemplo, quando ressuscitou a filha de Jairo, na Transfiguração de Jesus e na sua aflição no Getsêmani. Também na última ceia, durante o processo e, como vimos, foi o único na hora final. Na cruz, Jesus, vendo-o ao lado da Virgem, lhe confiou a tarefa de cuidar da Mãe, Maria.

Os detalhes que se conhece revelam que, após o Pentecostes, João ficou pregando em Jerusalém. Participou do Concílio de Jerusalém, depois, com Pedro, se transferiu para a Samaria. Mas logo foi viver em Éfeso, na companhia de Nossa Senhora. Dessa cidade, organizou e orientou muitas igrejas da Ásia. Durante o governo do imperador Domiciano, foi preso e exilado na ilha de Patmos, na Grécia, onde escreveu o quarto evangelho, o Apocalipse e as epístolas aos cristãos.

Diz a tradição que, antes de o imperador Domiciano exilar João, ele teria sido jogado dentro de um caldeirão de óleo fervente. Mas saiu ileso, vivo, sem nenhuma queimadura. João morreu, após muito sofrimento por todas as perseguições que sofreu durante sua vida, por pregar a Palavra de Deus, e foi sepultado em Éfeso. Tinha noventa anos de idade.

O evangelho de João fala dos mistérios de Jesus, mostrando os discursos do Mestre com uma visão mais aguçada, mais profunda. Enquanto os outros três descrevem Jesus em ação, João nos revela Jesus em comunhão e meditação, ou seja, em toda a sua espiritualidade. Os primeiros escritos de João foram encontrados em fragmentos de papiros no Egito, por isso alguns estudiosos acreditam que ele tenha visitado essas regiões.

AddThis

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...