Mar 8, 2013

08 DE MARÇO - ANIVERSÁRIO DAS APARIÇÕES DE CAMPINAS - NOSSA SENHORA DAS LÁGRIMAS E NOSSO SENHOR JESUS MANIETADO - À VIDENTE AMÁLIA AGUIRRE

CANAL: SENHORA DAS LÁGRIMAS
(Vídeos, Orações, Mensagens, etc.)
http://pt.gloria.tv/?user=72540

“Minha filha, o que os homens Me pedem pelas lágrimas de Minha Mãe, Eu amorosamente concedo.”
(08/11/1929)

Um fato maravilhoso, amplamente divulgado na Alemanha e nos EUA, permanecia quase esquecido aqui no Brasil, onde aconteceu há 70 anos. Autorizado pelo Bispo Diocesano desde o início, foi acrescido de novo Imprimatur em cada país em que se difundiu.

Foi em Campinas, SP, que Jesus manifestou, a uma missionária, a Sua Infinita Misericórdia. Ele oferecia abundância de graças aos que fizessem seus pedidos através das lágrimas de Sua Santa Mãe.

Pela Irmã Amália, a freira privilegiada, conhecemos esta dádiva de Jesus, que prometeu que nenhuma graça seria negada se fosse pedida pelas lágrimas de Maria Santíssima.


  

Mensagem de Jesus à Santa Amália Aguirre, em Campinas, 08.11.1929.


De Campinas à Jacareí
Na década de 1930, na cidade de Campinas-SP, Brasil, a Mãe de Deus e Nosso Senhor Jesus Cristo apareceram muitas vezes à bendita Irmã Amália Aguirre, comunicando muitas mensagens de ORAÇÃO, SACRIFÍCIO e PENITÊNCIA. Nossa Senhora apresentou-se como Nossa Senhora das Lágrimas e ensinou-lhe o TERÇO DAS LÁGRIMAS e posteriormente revelou à Irmã Amália a MEDALHA DAS LÁGRIMAS e pediu-lhe que a difundisse pelo mundo inteiro.
Disse Nossa Senhora à Irmã Amália em 8 de março de 1930: "Este é o rosário de Minhas Lágrimas, que foi prometido pelo Meu Filho ao nosso querido Instituto como uma parte de seu legado. Ele também já lhe deu as orações. Meu Filho quer Me honrar especialmente com essas invocações e, além disso, Ele concederá todos os favores que forem pedidos pelos merecimentos de Minhas Lágrimas. Este rosário alcançará a conversão de muitos pecadores, especialmente dos possuídos pelo demônio. Uma especial graça está reservada para o Instituto de Jesus Crucificado, principalmente a conversão de vários membros de uma parte dissidente da Igreja. Por meio deste rosário o demônio será derrotado e o poder do inferno destruído. Arme-se para a grande batalha."

Infelizmente a Irmã Amália foi muito combatida pelo clero da região, e embora no ano de 1930 ela tenha conseguido divulgar a Medalha e o Terço das Lágrimas em alguns países, essa Obra de Salvação da Mãe de Deus é ainda muito desconhecida. Mas, passados mais de 70 anos de injusto silêncio e esquecimento, nas Aparições de Jacareí-SP, Brasil, Nossa Senhora ordenou ao Vidente Marcos Tadeu Teixeira que cunhasse a Medalha das Lágrimas, exatamente como Ela havia revelado à irmã Amália e a difundisse ao mundo inteiro. A partir de então, Nossa Senhora pode retomar sua obra de Salvação, e esta medalha é amplamente divulgada juntamente com o terço das Lágrimas de Nossa Senhora.

Mensagens comunicadas nas Aparições de Jacareí

(16.09.2009) Mensagem de Nossa Senhora:
“Meu filho, diz a todos os Meus filhos que a Medalha que Eu revelei à Minha filhinha Amália Aguirre foi uma das maiores graças que eu dei ao mundo em todos os tempos. Esta medalha, sinal do amor infinito do Meu Imaculado Coração pelo mundo inteiro, está para ser usada por todos os Meus Filhos como sinal de sua consagração a Mim e como escudo poderoso contra os ataques do Meu inimigo. Esta Medalha, que evoca o poder das Minhas Lágrimas Maternais e o Poder da Mansidão Divina do Meu Filho Jesus em Sua Paixão redentora, será um sinal potentíssimo de graça que diminuirá o poder de Satanás em todos aqueles que a usarem e em todos os lugares onde ela estiver.”

(12.10.2011) Mensagem de Nossa Senhora:
(...) “Usai a Minha Medalha das Lágrimas que eu revelei à Minha Filhinha Amália Aguirre justamente aqui, nesta Terra de Santa Cruz, o Brasil, para ser um dom para o mundo inteiro, mas também especialmente para vós Meus Filhos. Eu, a partir de hoje concedo a todos os Meus filhos que usarem esta minha medalha a INDULGÊNCIA PLENÁRIA TODOS OS SÁBADOS, todas as semanas, ou seja, a remissão completa das culpas para que todos os Meus Filhos que usarem a Minha Medalha com amor e devoção sobre o pescoço. Esta Indulgência que vós lucrareis todos os sábado é mais um dom do Meu Amor que Eu alcancei da Santíssima Trindade pelo grande Amor que Nós temos a este Santuário, ao Um Filho Marcos, e a cada um de vós que Me escutais agora em particular.”

(13.06.2006) Mensagem da Irmã Amália Aguirre:
“Eu Sou Amália Aguirre, a vidente Mensageira da Senhora das Lágrimas. Marcos, você foi eleito pela Mãe de Deus para continuar a divulgar as Mensagens que a Senhora das Lágrimas me comunicou. O que Eu não pude fazer, pois fui muito obstaculizada, você deverá fazer agora. Os homens obstaculizaram-me de todas as maneiras, e eu, embora quisesse muito, não pude tornar as Mensagens conhecidas. Você deverá agora fazer a devoção à Senhora das Lágrimas ser conhecida por todos, e para isso, você deve mandar fazer a imagem da Senhora das Lágrimas, tal como Me aparecia, e também a Medalha da Senhora das Lágrimas com Jesus Manietado, e divulgar tudo junto com as Mensagens. A imagem da Senhora das Lágrimas deve ser colocada aqui na Capela, para que seja venerada por todos. Marcos, se você divulgar as Mensagens da Senhora das Lágrimas com a Medalha e a Imagem, grandes graças de conversão acontecerão! Em frente! Eleito, adiante! Eu estarei sempre com você! Sempre! A paz!”

(04.03.2012) Mensagem de Nossa Senhora das Lágrimas
"-Meus filhos, hoje, Eu a vossa MÃE CELESTIAL vos abençoo novamente e vos dou a Paz. PAZ! PAZ! PAZ! Com o TERÇO DAS LÁGRIMAS vocês conseguirão a Paz para os vossos corações e para o mundo inteiro.
Os tempos são maus, as almas estão degenerando rapidamente em graves e profundas feridas, pecados espirituais, morais e também a própria sociedade degenera rapidamente no pecado. Para deter tanto mal que há no mundo peço-vos Meus filhos: Rezai mais! Rezai Comigo, rezai profundamente por meio de Mim, para que o Senhor então derrame a Sua Misericórdia e ao mesmo tempo a Sua Justiça sobre os maus salvando os justos e os inocentes com a força do Seu poder.
Com a oração Nós podemos mitigar até os castigos da natureza, as guerras e podemos também mitigar as injustiças que os maus cometem contra os bons. Com a oração podemos cercar Satanás, encurralá-lo de tal forma até que ele fique impotente.
Por isso, reze. Rezai cada vez mais Meus filhos. Rezai, rezai muito, pois somente com a oração Eu posso intervir nas vossas vidas e realizar graças onde o pecado parece dominar tudo.
Nesta Semana quando vós comemorareis as Minhas Aparições à Minha Filhinha Amália Aguirre, quando dei a Ela a Coroa das Minhas Lágrimas, o Terço das Minhas Lágrimas pela primeira vez. Vós deveis meditar profundamente no tesouro destas Minhas Lágrimas. Estas Lágrimas que Eu verti por amor a vós Meus Filhos, durante toda a Minha Vida e especialmente no Calvário, na morte do Meu Jesus são a maior prova do Meu grande e imenso amor por todos os Meus Filhos. Estas Lágrimas são também um chamamento a todas as almas de boa vontade do mundo inteiro a que se levantem para secar estas Lágrimas, para consolar o Meu Coração dando-Me as suas vidas cheias de amor, oração, fidelidade e especialmente docilidade.
E por fim estas Minhas Lágrimas são tesouros preciosos que vós Meus filho queridos, deveis levar a todas as Minhas almas, a todos os Meus filhos, dando a elas sem cessar a conhecer: Meu Terço das Lágrimas, as Mensagens que Eu dei à Minha filhinha AMÁLIA AGUIRRE e também aqui que vos revelam a grandeza do valor das Minhas Lágrimas benditas para que os Meus filhos nestas LÁGRIMAS encontrem toda a consolação, toda a força, toda a luz e todo o remédio para as suas almas.

Eu conto com cada um de vós, para esta santa tarefa Meus filhos. Continuai a rezar todas as orações que Eu vos dei Aqui com confiança e a todos neste momento abençoo com o fruto das MINHAS LAGRIMAS BENDITAS: de LOURDES, de LA SALETTE e de JACAREÍ.
A Paz Meus filhos, deixo-vos a Minha Paz. A Paz a ti Marcos, Meu filho prediletíssimo todas as suas palavras foram conformes ao Meu Coração. Exorta os Meus filhos, admoesta os Meus filhos, Corrige os Meus filhos, abre os olhos dos Meus filhos, forma os Meus filhos para Mim. A Paz!”

TERÇO DAS LÁGRIMAS DE NOSSA SENHORA
Oração Inicial
"Jesus Crucificado, ajoelhados aos Vossos pés, nós Vos oferecemos as Lágrimas de Sangue dAquela que Vos acompanhou no Vosso caminho sofredor da Cruz, com intenso amor participante. Fazei, ó bom Mestre, que apreciemos as lições que nos dão as Lágrimas de Sangue da Vossa Mãe Santíssima, a fim de que cumpramos a Vossa Santíssima Vontade aqui na terra, de tal modo que sejamos dignos de Louvar-Vos no céu por toda a eternidade. Amém."

SETE MISTÉRIOS
Contempla-se as sete Dores de Nossa Senhora
 A espada a transpassar a Alma, Conforme a profecia do Velho Simeão, no Templo.
 A fuga da Sagrada Família para o Egito.
 Nossa Senhora perde o seu Divino Filho por três dias.
 O encontro com Nosso Senhor todo flagelado e carregando a sua pesadíssima Cruz nas costas.
 A bárbara crucificação e morte de seu Divino Filho.
 Nossa Senhora recebe em seus braços seu Filho inteiramente chagado e transpassado pela lança.
 Nossa Senhora acompanha o seu Divino filho à sepultura.
Em vez do Pai-Nosso, reza-se:
"Ó Jesus, olhai para as Lágrimas de Sangue daquela que mais Vos amou no mundo e Vos ama mais intensamente no céu".
Em vez das Ave-Marias, reza-se 7 vezes:
"Ó Jesus, atendei as nossas súplicas, em virtude das Lágrimas de Sangue da Vossa Mãe Santíssima".
No fim repete-se 3 vezes:
"Ó Jesus, olhai as Lágrimas de Sangue Daquela que mais Vos amou no mundo e Vos ama mais intensamente no céu".
Oração final
"Ó Maria, Mãe de amor, das dores e de misericórdia, nós Vos suplicamos: uní as Vossas súplicas as nossas a fim de que Jesus, Vosso Divino Filho, a quem nos dirigimos, em nome das Vossas lágrimas maternais de sangue, atenda as nossas súplicas e se digne conceder-nos as graças pelas quais Vos suplicamos, a coroa da vida eterna. Amém.
Que as Vossas lágrimas de sangue, ó Mãe das dores, destruam as forças do inferno. Pela vossa mansidão divina, ó Jesus crucificado, preservai o mundo da perda ameaçadora! Amém."
(26.02.2012) Mensagem de Nossa Senhora nas Aparições de Jacareí -SP: “Meus Filhos, Eu, neste tempo peço a vocês para rezarem ainda mais o Terço das Minhas Lágrimas, pois através dele quero fazer nas vossas almas grandes coisas, dá-lho a conhecer o mais depressa possível e o mais possível a todos os Meus filhos para que eles possam valer-se desta oração poderosa que eu dei à Minha Filhinha Amália Aguirre para que assim os Meus Filhos possam sair do pecado, recuperar a graça de Deus, voltar a para o Amor de Deus e então vencerem Satanás nas suas próprias vidas e assim Eu possa também vencer Satanás no Mundo todo.”
Nos anos de 1947, Nossa Senhora apareceu à sua serva Eleita Pierina Gilli em Montichiari, Itália, apresentando-se como Rosa Mística e fazendo um urgente apelo de Oração, Sacrifício e Penitência. Nessas Aparições, Nossa Senhora ensinou a vidente as mesmas orações que ensinou a Irmã Amália em Campinas, Brasil, compondo também o Terço das Lágrimas. Essas duas Videntes jamais se conheceram em vida e Nossa Senhora revelou o mesmo Plano de Salvação em duas Aparições diferentes. Em Montichiari, Nossa Senhora pediu a Pierina que difundisse a ORAÇÃO DA TREZENA DA ROSA MÍSTICA, que consiste em rezar do dia 1º ao dia 13 de cada mês o Terço das Lágrimas e meditar Suas Mensagens reveladas nessas Aparições, consagrando assim o dia 13 como um dia de reparação à Nossa Senhora Rosa Mística.



Terço de Nossa Senhora das Lágrimas



Este terço (ou coroa) reza-se do seguinte modo:

“Jesus Crucificado!...

Ajoelhados aos Vossos Pés, nós Vos oferecemos as Lágrimas d‘Aquela que Vos acompanhou no Vosso caminho sofredor da Cruz, com intenso amor participante.
Fazei ó bom Mestre que apreciemos as lições que nos dão as Lágrimas da Vossa Mãe Santíssima, afim de que cumpramos a Vossa Santíssima Vontade aqui na terra de tal modo que sejamos dignos de louvar-vos no Céu por toda a eternidade. Amém.
Nas contas (que separam os grupos de 7):

Ó Jesus, olhai para as Lágrimas d'Aquela que mais Vos amou na terra, e mais intensamente Vos ama no Céu.
Nas contas (grupos de 7):

Ó Jesus, atendei as nossas súplicas, pelas Lágrimas da Vossa Mãe Santíssima.
No fim repete-se três vezes, nas três contas finais:

Ó Jesus, olhai para as Lágrimas d‘Aquela que mais Vos amou na terra e mais intensamente Vos ama no Céu.

ORAÇÃO FINAL:

Ó Maria, Mãe do Amor, das Dores e da Misericórdia nós Vos pedimos: uni as Vossas Súplicas às nossas afim de que Jesus, Vosso Divino Filho, a quem nos dirigimos em nome das Vossas Lágrimas de Mãe, ouça as nossas súplicas, e nos conceda para além das graças que Vos pedimos, a Coroa da Vida eterna. Amém.
















p 

Nossa Senhora das Lágrimas de Campinas
Irmã Amália Aguirre
Amália Aguirre - Vidente de Nossa Senhora das lágrimas
08 de Março de 1930

p 

Nossa Senhora das Lágrimas de Jacareí SP
p 
Rezemos o Terço das Lágrimas - Clique sobre os vídeos ou nos links abaixo:

 

 

 

p

 

 
 8 DE MARÇO DE 2007- CENÁCULO DA FESTA DE NOSSA SENHORA DAS LÁGRIMAS

http://pt.gloria.tv/?media=131856

p

NOSSA SENHORA DAS LÁGRIMAS EM JACAREÍ/SP

No Instituto das Irmãs Missionárias de Jesus Crucificado, cujo fundador foi o Exmo. Sr. Dom Francisco de Campos Barreto, Bispo de Campinas, viveu a Irmã Amália de Jesus Flagelado. Assim como sua contemporânea Tereza Neumann, ela também foi distinguida com os Sagrados Estigmas de Cristo.
       Irmã Amália pertenceu ao grupo das oito primeiras irmãs e foi co-fundadora do Instituto, onde recebeu o hábito religioso em 3 de maio de 1928 e fez seus votos perpétuos em 8 de dezembro de 1931.
      Certa vez, a esposa de um parente da Madre Fundadora da nova Congregação adoeceu gravemente. Diversos médicos declararam não haver mais possibilidade de ajuda. Com lágrimas nos olhos o pobre marido queixou-se: "O que será das minhas crianças pequenas?"
      Os problemas do pai aflito foram diretamente ao coração da Irmã Amália. No mesmo instante ela pensou no Divino Salvador e sentiu então um impulso interior que a chamava para junto do Tabernáculo. Imediatamente foi para a Capela, ajoelhou-se com os braços estendidos e disse a Jesus: "Se existir alguma possibilidade de salvar a esposa de T., eu estou pronta para oferecer minha vida pela mãe de família. O que o Senhor quer que eu faça?"
      Em locução interior, Jesus assim respondeu:
      
"Se deseja obter esta graça, peça-a a Mim pelos merecimentos das Lágrimas de Minha Mãe"
.
      Irmã Amália continuou: "Como devo eu rezar?" Então Jesus ensinou-lhe as seguintes orações:
       
“Meu Jesus, ouvi os nossos rogos pelas Lágrimas de Vossa Mãe Santíssima.
      Vede, ó Jesus, que são as Lágrimas d'Aquela que mais Vos amou na terra...
      E que mais Vos ama nos céus.”
      Jesus então disse: 

      "Minha filha, o que os homens Me pedem pelas lágrimas de Minha Mãe, Eu amorosamente concedo. Mais tarde, Minha Mãe entregará este tesouro para o nosso querido Instituto, como um sinal de Sua Misericórdia." (08/11/1929)
      Em 8 de março de 1930, Irmã Amália teve uma aparição de Nossa Senhora, que se apresentou com uma túnica violeta, um manto azul e um véu branco que cobria Seu peito e ombros. Deslizou em direção à Irmã, segurando em Suas Mãos um branco rosário brilhante, que lhe entregou dizendo:
     "Este é o rosário de Minhas Lágrimas, que foi prometido pelo Meu Filho ao nosso querido Instituto como uma parte de seu legado. Ele também já lhe deu as orações. Meu Filho quer Me honrar especialmente com essas invocações e, além disso, Ele concederá todos os favores que forem pedidos pelos merecimentos de Minhas Lágrimas. Este rosário alcançará a conversão de muitos pecadores, especialmente dos possuídos pelo demônio. Uma especial graça está reservada para o Instituto de Jesus Crucificado, principalmente a conversão de vários membros de uma parte dissidente da Igreja. Por meio deste rosário o demônio será derrotado e o poder do inferno destruído. Arme-se para a grande batalha."
      O Exmo. Sr. D. Francisco de Campos Barreto, Bispo de Campinas, assegurou que não somente no Brasil, mas também em outros países, inumeráveis conversões ocorreram em virtude do uso da medalha da Nossa Querida Senhora das Lágrimas, a qual foi revelada à Irmã Amália em nova aparição, em 8 de abril de 1930.

A Imagem

O Manto azul

“Por que uso um manto azul? Para que te lembres do céu, quando estiveres exausta pelos trabalhos e carregada com a cruz das tribulações. O meu manto te lembre que o céu te dará felicidade indizível e alegria eterna e isto deve dar coragem à tua alma e paz a teu coração, para continuar a luta até o fim! Desejar o céu, amada minha, é uma doce consolação, pois a alma foi criada para gozar desta felicidade, e deve lembrar-se dela e desejá-la. Deus criou o céu para seus filhos e porque não hão de pensar nele? Mas o que é este céu? Este céu é Deus mesmo, portanto desejá-lo é desejar a Deus.Desejando dar-te coragem, apresentei-Me a ti revestida de azul. Assim, quando Me contemplares, lembra-te do céu que encontrarás depois deste peregrinar.Não sejas egoísta, quando trouxeres alguma pessoa aos pés de minha imagem, conta-lhe o que te contei, para que todos tenham a mesma consolação. Ao Me fitarem conta-lhes que Eu sou Mãe de todos os homens, dos mais pobrezinhos e até dos criminosos. Todos têm direito de Me chamar de Mãe, porque por todos os homens Jesus expirou na cruz.Alma missionária, não te esqueças do significado do manto azul de tua Mãe lacrimosa. Aprende e transmite a todos os homens de boa vontade.”

A Túnica violeta

“Conheces o significado da minha túnica roxo-violeta? Vou explicar-te o que deves lembrar, diante desta minha imagem das Lágrimas. Nas cores que usei, o roxo significa dor. A dor que Jesus sentiu quando golpearam barbaramente Seu corpo. Meu coração de Mãe e Minha alma também foram dilacerados pela dor, ao ver Jesus. Quando vieres aos meus pés, vendo minha túnica, lembra-te do quanto Eu sofri. Fazendo a meditação de minhas dores, ganharás força para tua alma além de merecer o privilégio que a elas foi concedido, que é a libertação das penas do purgatório.Meditar no quanto Eu sofri por teu amor, é um dever de gratidão. Grava bem no teu coração estas lições, porque elas te darão força e coragem nesta terra para que um dia possas estar nos meus braços de Mãe, que te introduzirá no Céu.”

O Véu branco

“Missionária, vou explicar-te porque Me apresentei com o véu branco, envolvendo-Me o peito e cobrindo-Me a cabeça. Branco significa pureza e, sendo Eu a branca flor da Santíssima Trindade, não podia deixar de Me apresentar sem esta alvura. A pureza transforma o homem em anjo e esta virtude é tão querida de Deus. Jesus chamou aos puros de bem-aventurados. Por ser pura Deus Me escolheu como Mãe de Jesus, por ser puro escolheu José como Pai adotivo, João por ser puro reclinou sua cabeça no peito sagrado de Jesus!A Santíssima Trindade quis assim Me apresentar a este Instituto, revestida com o véu da pureza, virtude e qualidade de Deus, porque Nele tudo é puro.Apresentei-Me não somente com a cabeça coberta de branco, mas, também o peito. Isto porque aí reside o coração, do qual nascem as paixões desordenadas! Portanto, teu coração deve estar sempre envolvido desta brancura celeste, que te dará a felicidade de ser morada da Santíssima Trindade.Grava bem na tua alma estas lições, porque elas te servirão de luz e força para poder subir o Calvário e chegar à porta da Jerusalém celeste nos meus braços de Mãe.”

A Coroa de Pérolas

“Filha, vou falar-te sobre o terço que trazia nas minhas mãos. Chamei-o de Coroa das Lágrimas. Quando aos meus pés vieres, vendo em minhas mãos esta coroa, lembra-te que ela significa misericórdia, amor e dor! Eu sou a Mãe da divina misericórdia! Choro diante do meu Filho os pecados de todos os homens e sempre estou intercedendo diante do trono do Altíssimo pelos pobres pecadores. Quando um pecador for rebelde não querendo te ouvir, vem aos meus pés e pede pelas minhas lágrimas benditas. Se ele for alma de boa vontade, alcançarás de Deus a graça desta alma não se perder.A minha coroa das Lágrimas também deve lembrar-te o meu grande amor pelos pecadores. Sendo Mãe de todos os homens e vendo muitos se perderem, chorei por aqueles que, endurecidos, correm o risco de se precipitarem no inferno.Por que lhe dei este nome de coroa? Porque minhas lágrimas foram coroadas por meu Divino Filho; elas são benditas e muitas gerações as exaltarão pelos benefícios recebidos por seu intermédio. Meu Filho coroou-as com tantos privilégios! Jesus deu estas pérolas preciosas a este Instituto para que elas façam parte de seu patrimônio.A coroa de minhas abençoadas lágrimas significa que tua Mãe te ama. Usa de todos os seus privilégios, desde que recorras com confiança e amor.Alma querida, aproveita destas lições e medita no significado de Nossa Senhora das Lágrimas. Eu com todo o amor digo: sou a Mãe das missionárias!”

O Sorriso de Nossa Senhora das Lágrimas

“Quando Maria desceu do Céu e veio até vós, trazia em seus lábios um doce sorriso, pela imensa alegria de poder presentear os homens com tão precioso tesouro!

O sorriso é sempre o transbordamento de alegria e paz, por isso, Maria quis trazê-lo em seus lábios para mostrar o que tantas almas experimentarão ao rezar essas súplicas tão comoventes. Eis porque a sua imagem deve trazer um doce sorriso, que será o bálsamo às chagas da pobre humanidade. Entrego-te no dia de hoje este sorriso bendito de nossa Mãe Lacrimosa.Mãe Lacrimosa com sorriso?! Sim, lacrimosa porque um dia chorou de dor e de amor, mas que, feliz, entrega como fruto destas duas causas sublimes, o seu sorriso!Recebe, portanto, o sorriso de Maria como patrimônio da amada geração! O sorriso de Maria, que é mais doce que o mel, constituirá mais uma rede, que apanhará as almas que desejarem a santidade. Ele fascinará milhares e milhares de almas!Recebei, filhas, os sorrisos de Maria! Que eles sejam uma realidade em vossos lábios, para que, à imitação de Maria, possais mostrar aos homens que vos sentis felizes em poder trabalhar por amor. As almas ficarão seduzidas, porque o sorriso de Maria a todos seduz!Que este presente de imenso valor seja aproveitado e que o sorriso de nossa Mãe Lacrimosa não seja esquecido pela nossa geração.Jesus, que hoje te entrega mais esta dádiva, jóia riquíssima.”

Os meus Olhos inclinados

“Vou explicar-te o motivo porque aqui Me apresentei com os meus olhos abaixados. Pintores inspirados Me gravaram nas telas, volvendo os meus olhares para o alto, quando desejaram cantar as glórias de minha Imaculada Conceição. O que significará, porém, os meus olhares inclinados para baixo nesta aparição, em que vos entreguei minhas lágrimas benditas? Significam a minha compaixão sobre a humanidade, pois Eu desci do céu para trazer um alívio a seus males. Os meus olhos sempre estarão voltados para suas penas e aflições, toda vez que pedirem ao meu Filho pelas Lágrimas que derramei. E aos pés de minha imagem, vêem que os fito com olhares de compaixão e de carinho.Por isso os meus olhos inclinados, quando entreguei a minha Coroa, são os faróis para todos os meus filhos que quiserem honrar-me em minhas Lágrimas. Onde se rezar a Coroa de minhas Lágrimas, estarão os meus olhos, para lhes mostrar amor e afeição.Onde se recitar com amor estas jaculatórias de minha Coroa, ali estarei como Mãe solícita, a lhes apontar os erros, convidar à virtude e a indicar o Coração de meu Filho amado. Onde for introduzida e reinar esta imagem, os meus olhares cobrirão a todos de grandes graças, dando-lhes já nesta vida experimentar minha proteção consoladora.Vê, como na aparição, em que ofereci o meu tesouro, tudo tem significado. A inclinação de meus olhos representa bem a minha compaixão pelos filhos da terra, que sempre convido a buscar minhas Lágrimas, porque elas vos preparam para receber muitas graças.Os meus olhos inclinados são um convite constante aos meus filhos, a suavíssima melodia que convida os pecadores e os converte para o Coração de Jesus Crucificado. Aí tens a explicação: nesta aparição inclinei meus olhos sobre a humanidade, pois desejo que ela se converta e se salva atraída pelos meus olhares. Sou Mãe complacente, doce e cheia de misericórdia.”

Mensagens De Nosso Senhor Jesus e Nossa Senhora Concedidas à Irmã Amália

“Amada filha, ouve atentamente. Sou a Mãe puríssima, escolhida pelo Eterno para ser vossa Co-Redentora, a vossa Advogada, a Medianeira de todas as graças; solícita, pronta a vos socorrer em todas as vossas necessidades! Sou portanto Mãe dos desamparados, dos aflitos, dos enfermos, enfim de todos os homens, Mãe que deseja dar com abundância e que acolhe com indizível carinho os pequeninos e desprotegidos da sorte!” (Nossa Senhora - 08/12/1930)


“Filhos que estais no mundo! Subi as escarpadas do monte Calvário, vindo buscar estas pérolas preciosas, as lágrimas de Minha Mãe! Custaram-Me dor infinita, quando pregado no alto da Cruz Eu A via chorando com tanta angústia!Subi o monte Calvário para buscá-las... Sim, é preciso subir acima de suas inclinações e vontades, desprezar o mundo com suas mentirosas promessas, para poder recolher em sua alma as pérolas preciosas.Falo-vos aqui espiritualmente, porque Meu reino é todo espiritual. Não é a simples água derramada dos olhos puríssimos de Maria. O que desejo que recolhais é o fruto de suas angústias, a dor de sua alma e de seu Coração maternal, que A fez derramar tantas lágrimas, aos pés da Cruz.Amados, eis porque elas Me são tão caras e por elas obtereis tudo o que desejais! Aproveitar destas lágrimas benditas, para a conversão e santificação de vossa vida. São pérolas preciosas, porque com muito amor vos foram dadas.Recordo-vos que Minha Mãe chorou por vossas almas comprando-as com lágrimas, cooperando com o Divino Filho na vossa redenção: Eu derramei Meu sangue e Ela derramou suas lágrimas. Vou deixar Maria vos falar, aprendei suas santas lições e gravai suas palavras amorosas!” (Jesus)

“Amadas de meu Coração. Estamos no tempo aceitável da Misericórdia, portanto vos falo do alto do monte Calvário, onde chorei por vossas almas. Apesar de Jesus Se deixar crucificar para mostrar aos homens Seu infinito Amor, muitos não O compreenderam e passaram por este mundo sem tirar proveito de Seu sacrifício. Olhando para os séculos futuros, vi almas apóstolas, cheias de santo zelo, proclamarem o amor de Jesus pelos homens no Calvário. Chorei de alegria por ver que a Misericórdia de Meu Filho ia ser compreendida e anunciada a bondade infinita de Meu Filho em sempre perdoar e eternamente amar! Por estas lágrimas que chorei de santa alegria, deveis trabalhar com mais entusiasmo para serdes verdadeiramente apóstolas da Divina Misericórdia.Lembrai-vos de praticar os santos conselhos desta escola de mansidão. É esta a escola do Divino Crucificado. Minhas lágrimas, as pérolas do Calvário, vos obrigam, por amor, a falar da Misericórdia de Jesus Crucificado.Maria, Mãe de Jesus e Tesouro vosso.” (Nossa Senhora - 24/04/1931)


“Filhos que andais amargurados, vinde a Maria que Ela é vossa Mãe. Quando suspenso no alto da cruz, agonizava entre os dois lagrões, Eu disse a minha Mãe querida que chorava: “Maria eis aí teu filho”, vendo em João toda a humanidade. Chora, minha Mãe, pelos ingratos que não hão de Me amar! Porém um dia, Mãe querida, as tuas lágrimas benditas hão de beneficiar o mundo, pois não chorastes em vão. A todos que suplicarem: “Meu Jesus, pelas lágrimas de Vossa Mãe Santíssima”, hei de abrir o Meu Coração como abrigo seguro. Quantas mães e órfãos hão de ser consolados! Quantas viúvas e pobres! Quantos jovens em perigo, adquirirão forças, para não sucumbir às armadilhas do tentador. Quantas religiosas, prestes a perderem seu fervor primitivo, sentir-se-ão fortalecidas. A todos vós que invocardes meu auxílio pelas lágrimas de Minha Mãe, em verdade vos digo, nada negarei, porque elas tocam o fundo de Meu Coração. Vós todos que sofreis, vinde a Maria que Ela é vossa Mãe e foi por vós que Ela chorou!Eu hei de exaltar estas lágrimas abençoadas para grande confusão do maligno e seus seguidores neste mundo. Suscitarei o zelo de muitos apóstolos para lhes dar maior brilho! Ó Minha Mãe querida, bendita entre todas as mulheres, abençoadas são as tuas lágrimas, porque elas esmagaram a cabeça da serpente infernal e hão de esmagar sempre que perseguir os meus eleitos. O inimigo jamais poderá vencer Maria! Das suas ciladas e armadilhas Ela sempre soube prevalecer e até o fim há de triunfar.Maria é a Mãe que tem nas mãos um tesouro e com ele quer vos enriquecer. Não temais! As chaves do Meu Coração lhe pertencem. Vós todos que desejais Minha glória, vinde a Maria e, com o merecimento de Suas lágrimas benditas, sereis tão fortes que jamais criatura alguma vos vencerá!” (Jesus)


“Amados filhos que todos os dias repetis com amor a Ave Maria, a saudação à Virgem. Eu sou Jesus, filho desta Mãe amável. O mundo jazia nas trevas do paganismo e o demônio com seus seguidores estavam tomando posse dos corações, por isso foi necessário que o Verbo se fizesse carne no seio de uma puríssima Virgem. O anjo foi enviado a Maria, flor escondida na ramagem das mais elevadas virtudes. “Ave Maria, cheia de graça. Eu te saúdo, ó Maria, porque foste a escolhida como recipiente puríssimo, onde vai habitar o Verbo! De graças estais repleta! Eis porque o nosso Deus me enviou para anunciar-te que serás a Mãe do Messias prometido”. Maria turbou-se na sua grande humildade, porém, sempre obediente às inspirações do céu, aceitou a vontade de Deus. E o anjo: “Bendita sois entre todas as mulheres, porque bendito e sagrado será o fruto de tuas puríssimas entranhas”. Amados filhos, se pudésseis ver como os anjos saúdam Maria no céu; com amor, reverentes e em santa alegria aos seus pés se colocam para cumprir as ordens da Mãe amável. Maria quando recebe veneração e homenagem, imediatamente olha para vós que ainda estais na terra, e diz: “Se todos os meus filhos me louvassem com a Ave-Maria, nenhum deles se perderia!” Porque quem saúda Maria com a Ave-Maria, predispõe o seu coração para receber o derramamento de minhas graças.Maria é cheia de graça, porque foi escolhida para ser minha Mãe, portanto tem nas suas mãos os tesouros do Paraíso, dos quais pode dispor em vosso benefício. Mas se recebeis pouco, quando dizeis a Ave-Maria, é porque rezais sem atenção. Não é a quantidade que agrada a Maria, mas sim a qualidade.Maria, minha Mãe amadíssima, repleta de caridade, achando-Me em seu seio, foi visitar sua prima Izabel e esta, sem saber o que em Maria se tinha operado, por inspiração divina, saúda-a dizendo-lhe: “Quem sou eu para que a Mãe do meu Senhor venha me visitar? Ó Maria, bendita és entre todas as mulheres, porque bendito é o fruto de tuas puríssimas entranhas”. Amados filhos, quem revelou estas coisas a Izabel? Não a carne, mas sim o céu, pois, sem o saber, disse a Maria o mesmo que o anjo já lhe tinha dito.Filhos, se pudésseis compreender o valor desta saudação bem rezada! Aproveitai! Não desperdiceis vosso tempo e rezai bem! Se assim fizerdes, na hora da vossa morte estareis repletos de graças, para poderdes entrar na vossa pátria, que é o Paraíso.Quando saudais a Maria com a Ave-Maria, acrescentais: “Santa Maria, Mãe de Deus, rogai por nós pecadores, agora e na hora de nossa morte. Amém”.Esta bela súplica foi composta por um servo fiel de Maria, quando o demônio se levantou querendo tirar-Lhe o título mais belo, que lhe pertence: “Mãe de Deus”. O meu servo, divinamente inspirado pelo céu e em entusiasmo próprio dos devotos de Maria, manifesta-se nesta prece: “Santa Maria, Mãe de Deus, rogai por nós pecadores, agora e na hora de nossa morte”. Vede que a ‘Ave Maria’ e a ‘Santa Maria’ não são invenções humanas, mas sim, divinas, porque foram ditadas pelo céu para que assim possais conversar com Maria, pedindo-lhe tudo de que estais precisando. Na verdade, Ela tudo pode, porque tem nas suas mãos os tesouros de meu Coração, e é a distribuidora de meus dons divinos. Se alguém desejar receber prontamente, peça-me por Maria, porque é por meio dela que dou em abundância meus tesouros. Foi por meio de Maria, que desci ao mundo e vos abri as portas do Paraíso. É por Maria que dou às almas de boa vontade o que me pedem. Vinde, porque Ela vos conduzirá a Mim!Amados filhos, animo-vos a rezar bem a oração angélica, que poderia se chamar saudação divina, porque toda ela foi ditada pelo nosso amor. Vinde a Ela com confiança e amor, por meio desta belíssima oração, composta pela Trindade, para saudar a nossa amada, Maria.Rezai com amor, alegria e com confiança filial a oração angélica. Tereis o meu Amor nos vossos corações.Jesus, que vos abençoará eternamente, se souberdes saudar a Maria. (Jesus - 19/08/1931)


“1. Bem-aventurado o homem que recorre a Maria, a minha Mãe Imaculada.
2. Bem-aventurado o homem que tem por Mãe Maria, minha doce Mãe.
3. Bem-aventurado o homem que tem confiança em Maria, minha Mãe Pura.
4. Bem-aventurado o homem que tem Maria minha amável Mãe, por conselheira.
5. Bem-aventurado o homem que Me dá tudo por Maria, minha celeste Mãe.
6. Bem-aventurado o homem que faz tudo em união com Maria, minha Mãe.
7. Bem-aventurado o homem que saúda a Maria com a Ave-Maria.
8. Bem-aventurado o homem que antes de Me saudar, saúda a Maria.
9. Bem-aventurado o homem que saúda a Maria, minha celeste Mãe, três vezes ao dia com o ‘Ângelus’.
10. Bem-aventurado o homem que Me oferta as Lágrimas de Maria.
11. Bem-aventurada a Congregação que tem Maria, minha Mãe, como Riqueza.” (Jesus)


“Minha filha, estou aqui a teu lado. Porque estás tão aflita? Não sabes que Eu sempre estou ao teu lado? Eu sou a Mãe dos aflitos e sei que os pobres filhos têm necessidade dos conselhos da Mãe do céu. Vem aqui, filha, aos Meus braços! Ouve-me com atenção e daqui sairás com força para suportar as amarguras da vida. Vamos juntinhas aos pés do amado Jesus, no Sacrário, onde por teu amor está Ele encerrado. Eu vou Lhe dizer que, por amor, tu sofres para salvar almas. Jesus ficará contente!- Querido Jesus, aqui estamos a Teus pés, tua Mãe e esta alma saturada de dor, para dizer que Te amamos. Como sei que gostas tanto de receber pelas Minhas Mãos, recebe, Filho, suas dores, seus sofrimentos e suas angústias; todas elas são por amor.Feliz a alma que, no meio de seus sofrimentos, a Mim recorre, para que Eu a conduza: Eu sou o caminho que leva a Jesus. A cruz eu não a tiro, porque então iria contra os planos de Jesus, mas a cada dia dou-lhe força pra carregá-la com amor. O que faço contigo, faço com todas as almas que confiam em mim. Sofrer, filha, para uma criatura mortal, é uma grande honra que Jesus oferece às almas mais queridas.Poucas são as almas que compreendem os sofrimentos; muitas pensam que nessa hora são esquecidas por Deus! Àquelas que assim pensam, convido a meditarem Minha vida. Eu, a Mãe do Filho unigênito, fui, depois dEle, a criatura que mais sofreu na terra! Aprendei de mim que, mesmo sofrendo, sempre louvei a Deus. Louvai, ó almas, quando sois presenteadas pela dor e agradecei pela grande dádiva divina.Coragem, alma querida! Lembra-te que Eu estou sempre pronta para te ajudar. Lembra-te destes momentos que passamos juntos ao lado de Jesus Sacramentado.Tua Mãe, Maria, que jamais te esquece.” (Nossa Senhora 17-12-1930)


“Filha, vou hoje falar-te das Lágrimas de minha Mãe. Durante vinte séculos elas ficaram guardadas no meu Divino COração para agora as entregar! Com esta entrega Eu te constituo apóstola de Nossa Senhora das Lágrimas e sei que estás pronta a dar a vida pela difusão de tão santa devoção! Ser missionária das Lágrimas de minha Mãe é dar-Me imensas consolações! Dei valor infinito a essas Lágrimas e, com elas, os que se propuserem propagá-las terão a felicidade de roubar pecadores do maligno, cujo ódio há de colocar muitos obstáculos para que elas não sejam conhecidas.O mundo tem necessidade de misericórdia! E para recebê-la não há dádiva mais preciosa do que as Lágrimas de minha Mãe! Se as lágrimas de uma mãe comovem o coração de um filho rebelde, como não se há de comover o Meu Coração, que tanto ama esta Mãe?Este tesouro magnífico, guardado vinte séculos, está em todas mãos para com ele salvar muitas almas das garras infernais! Quando as almas generosas dizem: “Meu Jesus, pelas Lágrimas de vossa Mãe Santíssima”, o Meu Coração se abre e faz jorrar sobre aquelas almas as torrentes de minha misericórdia!Todos os que se propuserem propagar as Lágrimas de Minha Mãe, no Céu receberão uma alegria toda especial e louvarão as horas que passaram a divulgá-las.Todos os sacerdotes que difundirem o poder das Lágrimas de Maria, terão seus trabalhos produzindo frutos de vida eterna e grandes coisas farão por Meu Amor.A difusão desta riqueza das Lágrimas de minha Mãe e de muita importância para o Meu Coração porque vai Me dar milhões e milhões de almas!Teu Jesus Crucificado, que em todas mãos depositou tão sagrado e poderoso tesouro, do qual deves ser apóstola incansável e ser capaz de dar a vida por ele.Felizes os que difundirem as Lágrimas de Maria!” (Jesus)


“Jesus ama tanto os homens que aceitou ficar aqui encerrado neste pequenino Sacrário! Eis a Sua humildade: preso em tão estreita prisão Ele, o Rei do Céu e da terra, aqui permanece para dar o exemplo e atrair para Si os Seus queridos filhos. Até no coração do pecador e do tíbio entra sem fazer resistência! A tanta humilhação Se sujeita o Rei dos exércitos! E os homens não O conhecem! A Sua mansidão divina é bem palpável na dolorosíssima Paixão! Coroaram-nO de espinhos e Ele, o manso Cordeiro, não diz palavra! Na Sua crucifixão, silencioso só pede perdão para os que O crucificam! E também aqui, neste Tabernáculo, como Ele exerce a mansidão! Se O recebem corações sacrílegos Se cala. Jesus manso deseja ser imitado na mansidão para a conquista dos pecadores!”


“Almas queridas, como Deus é bom! Ele jamais desampara aqueles que por seu amor se sacrificam. Vede a vossa Mãe Dolorosa sustentada pelo apóstolo amado, depois da Paixão, na minha soledade. Que dedicação a de João para comigo! Ele fez tudo para confortar-Me em minha imensa dor! Dizia-Me:

Maria, não chores, vê que agora eu sou teu filho, lembra-te das palavras de Jesus: ‘Mulher, eis aí teu filho’, ‘filho eis aí tua Mãe’. Agora eu sou teu, tu és minha! Hei de fazer o teu Filho conhecido. Sabes, Mãe, quando na noite da ceia, coloquei minha cabeça no peito de Jesus, que horizontes se desvendaram! Que maravilha quando este Coração for verdadeiramente conhecido!

Fala-Me, João, do Coração de meu Filho, quando reclinaste a cabeça no seu peito. Como todas as mães, gosto de ouvir falar bem de meu Filho!

Mãe querida, não tenho palavras para descrever-te o Coração de Jesus! Tu, melhor do que eu, conheces os Seus segredos!

Sim, João, na verdade Eu conheço tudo. Porém nesta hora de dor, prefiro que fales deste Coração querido!

Quando, como apóstolo e filho agradecido, pressenti que um dos nossos O ia trair, percebi que o Mestre estava com o Coração dilacerado pela ingratidão. Sem demora abracei-O com tanto amor. Como Ele foi amável; não me afastou, ao contrário, deu-me ocasião de encostar minha cabeça em Seu peito! Sabes o que aconteceu? Jesus abriu-me Seu Coração e vi como será Seu reinado! Que prodígios, Mãe querida! Quantas almas conquistadas! Que belo reinado, Mãe querida, quando este Coração for bem conhecido no seu infinito amor!

Fala, meu filho, o que vistes mais?

Vi o Coração de teu adorado Filho, com Sua mansidão divina, arrebatar o mundo das garras infernais, quando parecer aos homens que tudo está perdido! Eu O vi a espalhar chamas sobre os corações de boa vontade e a difundir neles o amor generoso que aceita sacrifícios para salvar muitas almas para o céu.

Vi mais: vi aproveitado o Seu sangue derramado na Paixão. Jesus não sofreu em vão, vi milhões e milhões de corações a receberem este sangue divino e a se purificarem com ele! Mais ainda, Mãe querida, vi que este Coração vai ser nosso alimento e o de todas as almas até o fim dos séculos.

Não ficamos órfãos, Jesus ficou conosco! Pude ver como Ele vai ser o nosso sustento com a Sua própria carne, alma e divindade. Eu, Mãe querida, posso te dar Jesus. Tu poderás receber o Corpo Santíssimo de Jesus, vivo, porque Jesus nos deu estes poderes na última ceia! Como és feliz, Maria, vais receber de novo o Amado de tua alma, tão realmente como quando o vias com teus olhos! Agora não chores mais, não estás sozinha, podes alegrar-te!

Fala-Me mais, meu filho, fala-Me da bondade de Jesus. Dize-Me, o que descobriste a este respeito?

Mãe querida, como? Que língua poderá falar da bondade e misericórdia do Coração de teu Filho amado?

Ó, não há língua humana que possa contar o quanto o Coração de Jesus é bom! Mas ao menos fala-Me o quanto tu podes.

Mãe querida, vi milhões e milhões de almas fascinadas pela doçura e bondade de Seu amável Coração; e, nesta escola de mansidão, vi milhões de virgens se prepararem para espalhar seu reinado sobre a face da terra, isto para os últimos tempos!

Vi a misericórdia deste Coração sempre a perdoar! Vi tantos pecadores perdoados, tantos aflitos consolados, tantos infelizes confortados! Vi tantas almas generosas a aproveitar da doçura deste Coração e, depois, transmiti-la para consolar os desprotegidos, os órfãos, as viúvas. Enfim, Mãe amável, vi a face da terra renovada. O temor não reinará mais sobre a terra! Os tremendos castigos não mais visitarão os filhos de Adão, porque o teu amado Filho, novo Adão, trouxe à terra a misericórdia! E Tu, Mãe querida, serás a distribuidora desta mesma misericórdia que reinará de hoje em diante.

Vê, Mãe bendita, como somos felizes por Jesus ter morrido na Cruz!

Filhas amadas, eis o que João Me falou; tudo isto Eu já o sabia, pois quem mais do que Eu conhecia o Coração de meu Filho? Foi para mostrar-vos minha grande dor que tudo isso vos contei. Vede como o bom Deus Me deixou sofrer tanto, porém Ele que não desampara ninguém deu-Me João, como anjo consolador.

Agora, almas queridas, não quereis vós ser para mim o que João foi? Também hoje gosto que Me falem da bondade e misericórdia de meu Filho e que dela falem a todos! Primeiramente comigo, como fez João e, então, Eu vos ensinarei como Ele é amável e cheio de misericórdia! Eu tenho necessidade de vós para que faleis de Jesus e O façais conhecido. Se vos sentirdes sem coragem, vinde a Mim e vos introduzirei no Seu amorosíssimo Coração.

Pela imensa dor em Minha solidão, Eu vos peço: difundi a bondade de Jesus aos vossos irmãos. Sede meus anjos aqui na terra como João o foi, dando aos homens o Coração de meu Filho.
Vos abençoa, na Sua soledade,
Maria, Mãe das Lágrimas.”(04/04/1931)


“Meus filhos, não tendes necessidade de ouvir aquela que cooperou com Jesus na vossa redenção? Eu sou Maria e vós sois Meus filhos, dados quando o Meu Filho expirava na Cruz.

Vós que perdeis tanto tempo em conversas inúteis, vinde Me ouvir! Minha linguagem é agradável, falo coisas tão lindas. Eu só sei falar do Paraíso com suas alegrias e do que lá há de mais precioso: Jesus o Meu Filho!

Vós que desejais a felicidade e que tanto correis atrás dela, vinde a Mim! Aos Meus pés, entregai-vos a Mim com confiança filial, lembrando que sou a Mãe da Divina Misericórdia e Eu vos darei a felicidade que é Jesus.

Eu desejo muito que todos sejam santos! Como ninguém pode ser santo por sua própria virtude, todos precisam dos socorros celestes e Eu sou a dona dos tesouros do Céu. Sendo a tesoureira de Jesus, dou o que Me pedirem: a mansidão, a pureza, a humildade, a generosidade, tudo o que é necessário para ser santo!

Sabeis o que quer dizer ser santo? É ser amigo de Jesus, que tanto vos ama; é amar a Jesus estar na presença dEle depois desta vida cheia de ilusões! A vossa pátria é o Céu, eis o que digo aos que ainda se deixam iludir pelas seduções do mundo. Não vos enganeis: pobres e infelizes os que esperam alguma coisa desta vida, pois terão decepção na hora da morte! Prefiram a alegria eterna e a felicidade sem fim.Meus queridos! Eu desejo ajudar a todos, principalmente os pobres pecadores, que estão longe dos caminhos de Jesus. Abandonai o passado e as vossas paixões pois a verdadeira alegria só a encontrareis na amizade de Meu Filho, que para a sua própria felicidade não precisa de vós.É por amor que vos falo e por vossa felicidade eterna tanto chorei! Não quereis aproveitar de Minhas Lágrimas benditas? Vede, filhinhos, que tantas lágrimas Me custastes!Vossa Mãe que vos abençoa com todo o amor.”(04/04/1931)


(Amália)Estava um dia aos pés do divino Mestre, encerrado no Sacrário, e, tendo a alma em grande aflição, pedi à Mãe de Jesus que se compadecesse de mim. Então, em espírito, vi Maria que se aproximava de mim e com uma ternura indizível me disse:
  “Segue-Me. Quero mostrar-te o quanto sofri quando vivi na terra.”

Levou-me ao templo e disse-me:
 “Vê, filha, aqui neste templo, onde fui educada, comecei a sofrer. Desde tenra idade, renunciei aos carinhos de pais tão amorosos!

Vendo minhas companheiras que só Me dedicava à oração e ao trabalho, o ciúme tomou conta daqueles corações! Começaram as acusações. Se as mestras ralhavam comigo, lembrava-Me de pedir a Deus que fizesse com que elas se tornassem cada dia mansas e humildes de coração. Tomando para mim o castigo merecido, louvava a Deus por Me castigar, pedia que jamais voltasse a ofendê-Lo. Tudo recebia com humildade profunda, reconhecendo-Me culpada. Minhas acusadoras um dia reconheceram seu erro e, ajoelhadas aos meus pés, pediram-Me perdão.

Aqui no templo eu trabalhava e rezava, aprendendo com grande alegria o que as mestras Me ensinavam, porque tudo queria aprender para agradar a Deus. Minha oração jamais foi interrompida pelo trabalho, pois este era sempre ocasião de Me unir cada vez mais a Ele. Quantas vezes, trabalhando, entrei em êxtases profundos só por considerar que, do nada, tinha saído para Me tornar filha de Deus!

(...)

Quem quiser entrar no reino do céu, mesmo o sque têm a ventura de conservar sua inocência, têm de sofrer. Jesus também teve graves tentações que soube repelir, mas teve de lutar, porque era homem.Agora, filha, vês que desde a infância tive de sofrer. Para que Deus Me teria dado um corpo? Para lutar e vencer! Sem esforço, que merecimento teria Eu? Como poderia esmagar a cabeça da serpente, se tudo Me fosse fácil? Nas minhas grandes lutas sempre confiei em Deus e a humildade profunda foi a minha arma.Prossigamos. Tinha chegado à idade em que as jovens daquele tempo costumavam casar-se. Pensar nisso afligia-me o espírito, porque Eu Me tinha consagrado de corpo e alma a Deus, dando minha virgindade a Ele para sempre!Quando tal Me propuseram, não morri de dor, porque era vontade do Altíssimo que também nisso sofresse. Nesta aflição fui logo aliviada, porque o esposo que Me ia ser dado era também virgem e, como Eu, permaneceria em minha companhia mantendo nossa tão querida virgindade!Pensam os homens que, tendo Eu sido pura, não tive lutas? Se nunca tivesse lutado, Meu Filho não Me podia propor como modelo de pureza, de humildade, de generosidade, de paciência e de mansidão.Se Eu não fosse tentada, não poderia servir de exemplo e de modelo. A tentação não mancha, ao contrário, dá à alma um novo brilho quando a pessoa sabe se humilhar e confiar em Deus. Para ser vencida, deve ser aceita com grande humildade. Recorrer à misericórdia de Deus, foi o que Eu fiz, e por isso Ele deixou a tentação bater às minhas portas. (...)
Filha, para que tanto sofrimento? Para mostrar aos homens o valor de suas almas, pois foi por causa do pecado que a dor se implantou no mundo, e é por meio da dor que o homem tem de se purificar.(...)Filha amada, jamais coisa alguma neguei a meu Deus, porém, isto nào quer dizer que foi sem sacrifício!Ó almas que sofreis tribulações e dores, meditai e vede se há dor semelhante à minha imensa dor! Mas não foi sofrida em vão, pois hoje ela vos pertence, sendo vossa riqueza e vossa consolação! Ao contemplardes o quanto Eu sofri, tereis forças para carregar vossa cruz. Com Meu sofrimento, tornei-Me Co-Redentora de vossas almas.Prossigamos, subamos mais, vamos ao pé da Cruz, onde Meu Coração materno recebeu a espada mais cruel! Ver Meu Jesus pregado em uma Cruz, amaldiçoado pelos homens como se fosse um criminoso!Meu Filho na agonia da morte... E Eu sem lhe poder dar ao menos uma gota de água, ali em pé sem poder apertá-lO contra Meu Coração, sem poder enxugar-lhe as lágrimas, nem poder dizer-lhe que O amava, enquanto os homens O desprezavam. Eu ali estava para lhe demonstrar que tinha uma Mãe a Seu lado. Nada Lhe pude fazer! Sou vossa Mãe, porque na Cruz, quando Meu Filho agonizava, proclamou-Me vossa Mãe. Sim, angústias incríveis Me custastes! Sei o quanto sois amados por Jesus, porque foi na hora mais tormentosa, que Me legou vossas almas, para que delas tomasse conta e sobre elas derramasse os frutos da sacratíssima Paixão!Agora, filha, sabes quanto tua Mãe sofreu! ” (Nossa Senhora -Outubro de 1930)


Perguntei um dia ao bom Deus: Por que certas almas, que vivem no vosso amor, temem a morte? Não é ela a porta do Paraíso? Eis o que Jesus me respondeu:
 

“Minha filha, a morte é temível porque é o castigo do pecador. Mas há uma luz que ilumina: minha Mãe! Na agonia da morte, quando o inimigo se levanta para roubar-me almas, eis que minha Mãe brilha, qual luzeiro luminoso e mostra-lhes que é mãe também dos pecadores e que há de advogar por eles ante o tribunal divino! Se meus filhos, quando recitam ‘Santa Maria, Mãe de Deus, rogai por nós pecadores, agora e na hora de nossa morte’, rezassem bem na vida, não teriam medo de morrer.Quem é verdadeiro devoto de minha Mãe, morre com um sorriso nos lábios, porque Ela assiste a todos os meus filhos na hora da morte. Nesta hora suprema Ela vem assistir aos pobres pecadores para ver se ainda consegue abrandar seus corações endurecidos. Como Me alegram os corações que nEla confiam, porque ainda tenho a esperança de salvá-los!Quem conhecer esta Mãe amável e A invocar na vida com confiança, no meio da agonia, encontrará este farol luminoso, que lhe mostrará as portas do Paraíso .”(Jesus - 17/07/1930)


“Em verdade, te digo que do céu não sai coisa alguma sem passar pelas Mãos de Maria.” “Une-te a Ela e pede por intermédio dEla!” “Fazei o mesmo, também vós, almas todas que Me ledes, e as vossas preces serão logo ouvidas e os frutos serão de vida eterna. Jesus, vosso Tudo, pelas Mãos de Maria.”(16/02/1931)


Coroa das Lágrimas de Nossa Senhora (Ensinada em Campinas para Irmã Amália)

 

O Rosário das Lágrimas tem 49 pequenas contas brancas divididas em 7 partes. É semelhante ao Rosário das Sete Dores de Maria e tem, no lugar da Cruz, a medalha de Nossa Senhora das Lágrimas.

Oração Inicial:

Eis-nos aos Vossos pés, ó dulcíssimo Jesus Crucificado, para Vos oferecer as Lágrimas d'Aquela que, com tanto amor, Vos acompanhou no caminho doloroso do calvário. Fazei, ó bom Mestre, que nós saibamos aproveitar a lição que elas nos dão para que, realizando a Vossa Santíssima Vontade na terra, possamos um dia, nos céus, Vos louvar por toda a eternidade. Amém.

Nas contas maiores (do Pai Nosso):

Vede, ó Jesus, que são as lágrimas d'Aquela que mais Vos amou na terra... E que mais Vos ama nos céus.

Nas contas menores (da Ave-Maria):

Meu Jesus, ouvi os nossos rogos.
Pelas lágrimas de Vossa Mãe Santíssima.

No final da Coroa:

Vede, ó Jesus, que são as lágrimas d'Aquela que mais Vos amou na terra... E que mais Vos ama nos céus. (3 vezes)

Oração Final:

Virgem Santíssima e Mãe das Dores, nós Vos pedimos que junteis os Vossos pedidos aos nossos, a fim de que Jesus, Vosso divino Filho, a quem nos dirigimos, em nome das Vossas Lágrimas de Mãe, ouça as nossas preces e nos conceda, com as graças que desejamos, a coroa eterna. Amém.

Jaculatórias:

Coração de Jesus Crucificado, Fonte de amor e de perdão! Por Vossa mansidão divina renovai a face da terra e reinai em nossos corações.
Ó Virgem dolorosíssima! As Vossas lágrimas derrubaram o império infernal.

Meditação das 7 Dores de Nossa Senhora

Maria Santíssima:

Meditai muitas vezes nas minhas sete dores para consolar meu Coração e crescereis muito na virtude.

Ó almas que sofreis, vinde para perto de meu Coração e aprendei comigo. É junto de meu Coração transpassado de dor que achareis consolação! Mães aflitas, esposas amarguradas, jovens desorientados, meditando nos meus sofrimentos tereis força para atravessardes todas as dificuldades.

Que minhas dores vos comovam o coração, impulsionando-vos para a prática do bem.

1ª. Dor - Apresentação de meu Filho no templo

Nesta primeira dor veremos como meu coração foi transpassado por uma espada, quando Simeão profetizou que meu Filho seria a salvação de muitos, mas também serviria para ruína de outros. A virtude que aprendereis nesta dor é a da santa obediência. Sede obedientes aos vossos superiores, porque são eles instrumentos de Deus.

Quando soube que uma espada Me atravessaria a alma, desde aquele instante experimentei sempre uma grande dor. Olhei para o Céu e disse: 'Em vós confio'. Quem confia em Deus jamais será confundido. Nas vossas penas, nas vossas angústias, confiai em Deus e jamais vos arrependereis dessa confiança.

Quando a obediência vos trouxer qualquer sacrifício, confiando em Deus, a Ele entregai vossas dores e apreensões, sofrendo de bom grado por amor. Obedeçam não por motivos humanos, mas pelo amor Daquele que por vosso amor se fez obediente até a morte de Cruz.

2ª. Dor - A fuga para o Egito

Amados filhos, quando fugimos para o Egito, foi grande dor saber que desejavam matar meu querido filho, aquele que trazia a salvação! Não me afligi pelas dificuldades em terras longínquas; mas por ver meu filho inocente, perseguido por ser o Redentor.

Almas queridas, quanto sofri neste exílio! Porém tudo suportei com amor e santa alegria por Deus me fazer cooperadora da salvação das almas. Se fui obrigada a este exílio, foi para guardar meu filho, sofrendo provações por aquele que um dia ia ser a chave da mansão da paz. Um dia estas penas serão convertidas em sorrisos e em força para as almas, porque Ele abrirá as portas do Céu!

Amados meus, nas maiores provações pode haver alegria quando se sofre para agradar a Deus e por seu amor. Em terras estranhas, Eu Me rejubilava por poder sofrer com Jesus, meu adorável filho!

Na santa amizade de Jesus e sofrendo tudo por seu amor, não se chama sofrer senão santificar-se! No meio da dor sofrem os infelizes, que vivem longe de Deus, os que estão na sua inimizade. Pobres infelizes, entregam-se ao desespero, porque não têm o conforto da amizade divina, que dá à alma tanta paz e tanta confiança.

Almas que aceitais vossos sofrimentos por amor a Deus, exultai de alegria porque grande é vosso merecimento, se assemelhando a Jesus Crucificado, que tanto sofreu por amor a vossas almas!

Alegrai-vos todos os que, como Eu, sois chamados para longe da vossa pátria defender o vosso Jesus. Grande será a vossa recompensa, pelo vosso SIM à vontade de Deus.

Almas queridas, avante! Aprendei Comigo, a não medir sacrifícios, quando se trata da glória e dos interesses de Jesus, que também não mediu sacrifícios para vos abrir as portas da mansão da Paz.

3ª. Dor - Perda do Menino Jesus

Amados filhos, procurai compreender esta minha imensa dor, quando perdi meu adorável Filho por três dias.

Sabia que meu Filho era o Messias prometido, que contas daria então a Deus do tesouro que me tinha sido entregue? Tanta dor e tanta agonia, e sem esperança de encontrá-lo!

Quando O achei no templo, no meio dos doutores, e lhe disse que me havia deixado três dias em aflição, eis o que Me respondeu: 'Eu vim ao mundo para cuidar dos interesses de meu Pai, que está no Céu'.

A esta resposta do meigo Jesus, emudeci e compreendi que sendo o Redentor do gênero humano assim devia proceder, fazendo sua Mãe, desde aquele instante, tomar parte na sua missão redentora, sofrendo pela Redenção do gênero humano!

Almas que sofreis, aprendei nesta minha dor a submeter-vos à vontade de Deus, que muitas vezes vos fere para proveito de um de vossos entes queridos.

Jesus me deixou por três dias em tanta angústia para proveito vosso. Aprendei Comigo a sofrer e a preferir a vontade de Deus à vossa. Mães que chorais, ao verdes os vossos filhos generosos ouvirem o chamamento divino, aprendei Comigo a sacrificar o vosso amor natural. Se vossos filhos forem chamados para trabalhar na vinha do Senhor, não abafeis tão nobre aspiração, como é a vocação religiosa. Mães e pais dedicados, ainda que vosso coração sangre de dor, deixai-os partir, deixai-os corresponder aos desígnios de Deus, que usa com eles de tanta predileção. Pais que sofreis, ofertai a Deus a dor da separação, para que vossos filhos, que foram chamados, possam ser na realidade bons filhos Daquele que os chamou. Lembrai-vos que vossos filhos a Deus pertencem e não a vós. Deveis criá-los para servir e amar a Deus neste mundo, e um dia no Céu O louvarem por toda a eternidade.

Pobres aqueles que querem prender seus filhos, abafando-lhes a vocação! Os pais que assim procedem podem levar seus filhos à perdição eterna e ainda terão que dar contas a Deus no último dia. Porém, protegendo suas vocações, encaminhando-os para tão nobre fim, que bela recompensa receberão estes pais afortunados! Ainda que aqui chorem de saudades e a separação lhes custe muitas lágrimas, eles serão abençoados! E vós, filhos prediletos que sois chamados por Deus, procedei como Jesus procedeu comigo: primeiramente obedecei à vontade de Deus, que vos chamou para habitar na sua casa, quando diz: 'Quem ama seu pai e sua mãe mais do que a mim não é digno de Mim'. Vigiai se, por causa de um amor natural, deixais de corresponder ao chamado divino!

Almas eleitas que fostes chamadas e sacrificastes as afeições mais caras e a vossa própria vontade para servir a Deus! Grande é vossa recompensa. Avante! sede generosas em tudo e louvai a Deus por terdes sido escolhidas para tão nobre fim.

Vós que chorais, pais, irmãos, regozijai-vos porque vossas lágrimas um dia converter-se-ão em pérolas, como as minhas se converteram em favor da humanidade.

4ª. Dor - Doloroso encontro no caminho do Calvário

Amados filhos, contemplai e vede se há dor semelhante a esta minha, quando me encontrei com meu divino Filho no caminho do Calvário, carregando uma pesada cruz e insultado como se fosse um criminoso.

'É preciso que o Filho de Deus seja esmagado para abrir as portas da mansão da paz!' Lembrei-Me de suas palavras e aceitei a vontade do Altíssimo, que sempre foi a minha força em horas tão cruéis como esta.

Ao encontrá-lo, seus olhos me fitaram e me fizeram compreender a dor de sua alma. Não pôde Me dizer palavra, porém me fizeram compreender que era necessário que unisse a minha à Sua grande dor. Amados meus, a união de nossa grande dor neste encontro tem sido a força de tantos mártires e de tantas mães aflitas!

Almas que temeis o sacrifício, aprendei aqui neste encontro a submeter-vos à vontade de Deus, como Eu e meu Filho nos submetemos! Aprendei a calar-vos nos vossos sofrimentos.

No nosso silêncio, nesta dor imensa armazenamos para vós riquezas imensuráveis! As vossas almas hão de sentir a eficácia desta riqueza na hora em que, abatidos pela dor, recorrerdes a Mim, fazendo a meditação deste encontro dolorosíssimo. O valor do nosso silêncio se converte em força para as almas aflitas, quando nas horas difíceis souberem recorrer à meditação desta dor!

Amados filhos, como é precioso o silêncio nas horas de sofrimentos! Há almas que não sabem sofrer uma dor física, uma tortura de alma em silêncio; desejam logo contá-la para que todos o lastimem! Meu Filho e Eu tudo suportamos em silêncio por amor a Deus!

Almas queridas, a dor humilha e é na santa humildade que Deus edifica! Sem a humildade, trabalhareis em vão; vede pois como a dor é necessária para a vossa santificação.

Aprendei a sofrer em silêncio, como Eu e Jesus sofremos neste doloroso encontro no caminho do Calvário.

5ª. Dor - Aos pés da Cruz

Amados filhos, na meditação desta minha dor encontrareis consolo e força para vossas almas contra mil tentações e dificuldades e aprendereis a ser fortes em todos os combates de vossa vida.

Vede-me aos pés da Cruz, assistindo à morte de Jesus, com a alma e meu coração transpassados com as mais cruéis dores!

Não vos escandalizeis com o que fizeram os judeus! Eles diziam: 'Se Ele é Deus, por que não desce da cruz e se livra a si próprio?!' Pobres judeus, ignorantes uns, de má fé outros, não quiseram crer que Ele era o Messias. Não podiam compreender que um Deus se humilhasse tanto e que a sua divina doutrina pregava a humildade. Jesus precisava dar o exemplo, para que seus filhos tivessem a força de praticar uma virtude, que tanto custa aos filhos deste mundo, que têm nas veias a herança do orgulho. Infelizes os que, à imitação dos que crucificaram a Jesus, ainda hoje não sabem se humilhar!

Depois de três horas de tormentosa agonia, meu adorável Filho morre, deixando-me a alma na mais negra escuridão! Sem duvidar um só instante, aceitei a vontade de Deus, e no meu doloroso silêncio, entreguei ao Pai minha imensa dor, pedindo, como Jesus, perdão para os criminosos.

Entretanto, quem me confortou nesta hora angustiosa? Fazer a vontade de Deus foi o meu conforto; saber que o Céu foi aberto para todos os filhos foi meu consolo! Porque Eu também no Calvário fui provada com o abandono de toda consolação!

Amados filhos, sofrer em união com os sofrimentos de Jesus encontra consolo; sofrer por ter feito o bem neste mundo, recebendo desprezos e humilhações encontra força.

Que glória para vossas almas, se um dia por amar a Deus com todo o vosso coração, fordes também perseguidos!

Aprendei a meditar muitas vezes nesta minha dor, que ela vos dará força para serdes humildes: virtude amada de Deus e dos homens de boa vontade.

6ª. Dor - Uma lança atravessa o Coração de Jesus

Amados filhos, com a alma imersa na mais profunda dor, vi Longuinho transpassar o coração de meu Filho, sem poder dizer palavra! Derramei muitas lágrimas... Só Deus pode compreender o martírio desta hora, na alma e no coração!

Depois depositaram Jesus nos meus braços, não cândido e belo como em Belém... Morto e chagado, parecendo mais um leproso do que aquele adorável e encantador menino, que tantas vezes apertei ao meu coração!

Amados filhos, se Eu tanto sofri, não serei capaz de compreender vossos sofrimentos? Por que, então, não recorreis a Mim com mais confiança, esquecidos que tenho tanto valor diante do Altíssimo?

Porque muito sofri aos pés da cruz, muito me foi dado! Se não tivesse sofrido tanto, não teria recebido os tesouros do Paraíso em minhas mãos.

A dor de ver transpassar o Coração de Jesus com a lança, conferiu-me o poder de introduzir, neste amável Coração, a todos aqueles que a Mim recorrerem. Vinde a Mim, porque Eu posso vos colocar dentro do Coração Santíssimo de Jesus Crucificado, morada de amor e de eterna felicidade!

O sofrimento é sempre um bem para a alma. Ó almas que sofreis, regozijai-vos Comigo que fui a segunda mártir do Calvário! A minha alma e meu coração participaram dos suplícios do Salvador, conforme a vontade do Altíssimo, para reparar o pecado da primeira mulher! Jesus foi o novo Adão e Eu a nova Eva, livrando assim a humanidade do cativeiro no qual se achava presa.

Para corresponderdes porém a tanto amor, sede muito confiantes em Mim, não vos afligindo nas contrariedades da vida; ao contrário, confiai-Me todos os vossos receios e dores, porque Eu sei dar em abundância os tesouros do Coração de Jesus!

Não vos esqueçais, Filhos meus, de meditar nesta minha imensa dor, quando estiver pesada a vossa Cruz. Achareis força para sofrer por amor a Jesus que sofreu na Cruz a mais infame das mortes.

7ª. Dor - Jesus é sepultado

Amados filhos, quanta dor, quando tive que ver sepultado meu Filho. A quanta humilhação meu Filho se sujeitou, deixando-se sepultar sendo Ele o mesmo Deus! Por humildade, Jesus submeteu-se à própria sepultura, para depois, glorioso, ressuscitar dentre os mortos!

Bem sabia Jesus o quanto Eu ia sofrer vendo-o sepultado; não me poupando quis que Eu também fosse participante na sua infinita humilhação!

Almas que temeis ser humilhadas, vede como Deus amou a humilhação! Tanto que deixou-se sepultar nos santos Sacrários, a esconder sua majestade e esplendor, até o fim do mundo! Na verdade, o que se vê no Sacrário? Apenas uma Hóstia Branca e nada mais! Ele esconde sua magnificência debaixo da massa branca das espécies de pão! Em verdade vos digo, não O admirais tanto quanto Ele merece, por Jesus assim Se humilhar até o fim dos séculos!

A humildade não rebaixa o homem, pois Deus Se humilhou até à sepultura e não deixou de ser Deus.

Amados filhos, se quereis corresponder ao amor de Jesus, mostrai-lhe que O amais, aceitando as humilhações. A aceitação da humilhação vos purifica de toda e qualquer imperfeição e, desprendendo-vos deste mundo, vos faz desejar o Paraíso.

Queridos filhos, apresentei-vos estas minhas sete Dores, não para queixar-me, mas somente para mostrar-vos as virtudes que deveis praticar, para um dia estar ao meu lado e ao lado de Jesus! Recebereis a glória imortal, que é a recompensa das almas que, neste mundo, souberam morrer para si, vivendo só para Deus!

Vossa Mãe vos abençoa e vos convida a meditar muitas vezes nestas palavras ditadas porque muito vos amo.

Do livro Nossa Senhora das Lágrimas

Pedidos: Caixa Postal 198 - São Carlos-SP - 13560-970

A Medalha

Medalha das Lágrimas

A medalha de Nossa Senhora das Lágrimas realizou numerosas conversões não só no Brasil. Houve mais notícias ainda de intervenções singulares e até curas milagrosas, graças à recitação do terço de Nossa Senhora das Lágrimas. A razão encontra-se na promessa do próprio Salvador, que não recusa nenhum pedido que lhe seja feito pelas Lágrimas de Sua Mãe Santíssima..

Também na Alemanha, Bélgica e Holanda muitas graças foram concedidas às pessoas que rezaram durante nove dias seguidos o terço de Nossa Senhora das Lágrimas, receberam os Sacramentos e fizeram obras de caridade. Para muitos religiosos e religiosas a recitação deste terço se tronou para eles um hábito muito querido e a ele devem muitas graças, mesmo extraordinárias. Pedem pela conversão dos pecadores, dos hereges e descrentes, pelos sacerdotes e missionários, pelos moribundos, e para libertar as almas do purgatório.

Esta Medalha é oval,  encontra-se cunhada na frente a Imagem de Nossa Senhora das Lágrimas e em volta de sua Belíssima Imagem a Oração " Ó VIRGEM DOLOROSÍSSIMA, AS VOSSAS LÁGRIMAS DERRUBAM O IMPÉRIO INFERNAL." do outro lado há a Imagem de Nosso Senhor Jesus Cristo e a Oração " POR VOSSA MANSIDÃO DIVINA, Ó JESUS MANIETADO SALVAE O MUNDO DO ERRO QUE O AMEAÇA."

 

p

Jacareí, 13 de Julho de 2006

59° Aniversário das Aparições de Montichiari-Itália

(Apareceram neste dia Nossa Senhora, Pierina Gilli a vidente da Rosa Mística em Montchiari e Fontanelle 1944-1991 e a Irmã Amália, vidente de Nossa Senhora das Lágrimas de Campinas, 1929-1932)

 

(Maria Santíssima) “- Estas são as duas servas das Minhas Lágrimas. Elas vieram hoje comigo para te saudar e te abençoar você que é o continuador da devoção das Minhas Santas Lágrimas ao mundo e o Consolador do Meu Coração Imaculado.”(pausa)

 

(Maria Santíssima) “-Eu sou a Rosa Mística, Eu sou a Mãe de Deus, por meio destas Aparições aqui continuo e termino a obra que comecei em Fátima e em Montchiari. O meu Coração elegeu este lugar e você meu filho, e por meio da TREZENA estou salvando muitas almas que estavam sob o domínio de Satanás. Eu estou particularmente consolada hoje pelas orações, TREZENAS e sacrifícios que fizeram. Eu realizarei a minha grande obra de salvação por meio deste local, espalhando a minha mística luz nas almas do mundo inteiro. Aqui, onde sou mais consolada e plenamente ouvida, eu vou realizar as maravilhas do meu Coração Imaculado vencendo satanás e produzindo a minha maior vitória. Avante. Rezem. Continuem com as orações e com a TREZENA. Vençam o inimigo com o Rosário . Só por meio dele, do Rosário, virá a Paz. A todos abençôo de Fátima Montchiari e Jacareí.”

 

(Relato-Marcos) “-Em seguida, Santa Pierina Gilli disse-me:”

 

(Pierina Gilli) “-Marcos, Eu Sou Pierina Gilli e Sou a sua protetora. Eu protejo também todos os peregrinos deste Santuário e todos os que divulgam as Mensagens da Mãe de Deus. Eu rezo constantemente nesta Capela por todas as pessoas que aqui vem e que divulgam as Mensagens da Mãe de Deus. Marcos, continue fiel à Mãe de Deus e não esmoreça jamais. Eu estou com você, sempre e nunca o deixarei. Estarei sempre ao seu lado, sempre! A paz, Marcos!”

 

(Relato-Marcos)  Em seguida, Pierina abriu os braços num gesto de acolhida e proteção para mim. No começo da Aparição, Eu perguntei à Mãe de Deus quem era aquela outra jovem luminosa ao Seu lado esquerdo, pois A do lado direito, Pierina Gilli, eu já conhecia. A própria Virgem me mandou perguntar à jovem luminosa; eu o fiz, e ela respondeu-me:”

 

(Amália Aguirre) “Eu Sou Amália Aguirre, a vidente Mensageira da Senhora das Lágrimas.” Depois das Mensagens de Maria Santíssima e de Pierina, Santa Amália disse-me: “-Marcos, você foi eleito pela Mãe de Deus para continuar a divulgar as Mensagens que a Senhora das Lágrimas me comunicou. O que Eu não pude fazer, pois fui muito obstaculizada, você deverá fazer agora. Os homens obstaculizaram-me de todas as maneiras, e eu, embora quisesse muito, não pude tornar as Mensagens conhecidas. Você deverá agora fazer a devoção à Senhora das Lágrimas ser conhecida por todos, e para isso, você deve mandar fazer a imagem da Senhora das Lágrimas, tal como Me aparecia, e também a Medalha da Senhora das Lágrimas com Jesus Manietado, e divulgar tudo junto com as Mensagens. A imagem da Senhora das Lágrimas deve ser colocada aqui na Capela, para que seja venerada por todos. Marcos, se você divulgar as Mensagens da Senhora das Lágrimas com a Medalha e a Imagem, grandes graças de conversão acontecerão! Em frente! Eleito, adiante! Eu estarei sempre com você! Sempre! A paz!” Em seguida, Pierina Gilli disse-me: “- Marcos, é chegada a hora em que você deve mandar fazer a Medalha da Senhora Rosa Mística e o Santo Escapulário Verde, para que a ação extraordinária da Mãe de Deus se espalhe mais rapidamente na terra, e o desígnio de salvação Dela se realize. Eleito! A paz! Eu estou e estarei sempre com você!”

 

(Relato-Marcos)  “-Por fim, a Mãe de Deus, Santa Pierina e Santa Amália abençoaram-me e aos presentes na capela e desapareceram.”

 

 

 PARTICIPEM DOS CENÁCULOS DE ORAÇÕES E DO MOMENTO SUBLIME DA APARIÇÃO, INFORMAÇÕES PELO


TEL DO SANTUÁRIO : (0XX12) 9701-2427


CANAIS DE DIVULGAÇÃO:



IRMÃOS, ACOMPANHEM OS VÍDEOS NOS CANAIS DE DIVULGAÇÃO DO YOUTUBE:


Desde o dia 7 de fevereiro de 1991, há 22 anos, Nosso Senhor Jesus Cristo, Maria Santíssima, São José, o Divino Espírito Santo, os Anjos e os Santos, vem aparecendo diariamente em Jacareí, São Paulo, Brasil, às 18:30hs (hora de Brasília). Ela se apresenta como Rainha e Mensageira da Paz e faz um último apelo à conversão, através de um jovem: Marcos Tadeu, que no início das Aparições tinha 13 anos apenas. São as mais intensas Aparições da história de nosso país, e Maria Santíssima diz que são as últimas Aparições para a Humanidade. A Mãe de Deus pediu que fosse feita todos os dias, às oito horas da noite, a Santa Hora da Paz a fim de que as famílias se convertam e o mundo tenha Paz. Ela prometeu a Sua proteção às famílias que a fizerem todos os dias. Nossa Senhora diz que as Aparições de Jacareí e a de Medjugorje (ex-Iugoslavia) são a continuação e a CONCLUSÃO de Fátima.