May 22, 2013

ESCAPULÁRIOS - Proteção Contra o Demônio - Relatos de São João Maria Vianney



 Um dia uma jovem, antes de entrar na vida religiosa, foi ver o Santo Cura de Ars, que, durante a conversa, lhe perguntou: “Lembras-te, minha filha, de um certo baile à noite, em que estiveste? Estava lá um jovem desconhecido, muito bem parecido, distinto, admirado, e todas as jovens queriam dançar com ele.” “Sim, e lembro-me que quando ele não me pediu para dançar, fiquei triste, porque todas as outras jovens tinham tido o privilégio de dançar com ele.” ”Gostarias de ter dançado com ele, não gostarias?”“Sim.” “Recordas-te de que, quando esse jovem ia a sair do salão de baile, viste debaixo dos pés dele duas chamas azuis? E que pensaste que era uma ilusão dos teus olhos? Quando viste esse jovem deixar o salão de baile, viste fogo debaixo dos pés dele! Não era uma ilusão dos teus olhos, minha filha. Aquele homem era um demónio. e se não foi ter contigo a pedir-te que dançasses, foi por uma razão: estava a usar a veste de Nossa Senhora do Carmo.”