May 21, 2017

ORAÇÃO ´ESTRELA DO CÉU` - APARIÇÕES DE BARRAL - PONTE DA BARCA - PORTUGAL - 1917




ORAÇÃO ´ESTRELA DO CÉU`

          Um dos pedidos de Nossa Senhora da Paz em 1917 foi que se rezasse a Estrela do Céu.
          Os mais velhos da localidade chamavam ESTRELA DO CÉU a uma oração que naquela Freguesia se cantava quando havia calamidade, ou guerra.
          Para se saber a oração referida, teve de se recorrer, na altura (1917), a uma velhinha, que a disse como sabia, e trauteou como pôde, depois de terem recorrido sem resultado a toda a gente moça.
          O Rev. Abade da Freguesia informou na altura que tal oração era usada na freguesia à uns quarenta e tal anos, pois, tendo o pároco 61 anos, lembrava-se dela quando criança, mas pôde garantir que desde então e até às Aparições, ninguém nela falava, e muito menos era usada na freguesia. 
          O pároco referiu ainda que este facto foi um dos que o levou a acreditar na história do rapazinho, pois nem este nem a sua mãe teriam conhecimento da existência dessa oração. Isto faz com que o pároco acredite que há verdade nas declarações do rapaz, acerca da Aparição.

 

Estrela do CéuSenhor Deus, dai-nos auxilio, união, paz e concórdia, pois assim seremos dignos da vossa misericordia.
Misericórdia, meu Deus! Misericórdia, Senhor! Misericórdia vos pede este grande pecador!
 
AntífonaA Estrela do céu, que deu o leite ao senhor, livrou-nos do contágio da morte, que o primeiro pai dos homens trouxe ao mundo. A mesma estrela se digne apaziguar o céu, cuja ira castiga o povo com morte cruel. Piedosíssima Estrela do mar, livrai-nos da peste!
Ouvi-nos, Senhora, e intercedei por nós, já que vosso filho nada vos nega e sempre vos honra!
Salvai-nos, Jesus, por quem a virgem, a vossa mãe, vos roga!
Rogaí por nós, Santa mãe de Deus, para que sejamos dignos das promessas de Cristo.

OraçãoDeus de misericórdia, Deus de piedade, Deus de perdão, que vos compadecestes da aflição do vosso, povo e dissestes ao anjo que o feria « Detém a tua mão», pelo amor daquela estrela gloriosa, a cujos peitos vos alimentastes para nos ser dado remédio contra o veneno dos nossos pecados, dai-nos o socorro da vossa graça, a fim de que sejamos livres de toda a peste e morte repentina, e misericordiosamente salvos de toda a perdição. Por vós Jesus Cristo, Rei da glória, Salvador do mundo, que viveis e reinais por todos os séculos dos séculos. Amém.
Senhor Deus, misericórdia!
Senhor Deus, misericórdia!
Senhor Deus, misericórdia!


Estampa aprovada pelo Arcebispo de Braga, D. Manuel Vieira de Matos.


Documentário - Centenário das Aparições no Barral - Ponte da Barca - 
Portugal 

https://www.youtube.com/watch?v=5KtVIE5ojLI